Dirigente do Grêmio solta o verbo sobre Douglas Costa e reforça: ‘Foi um problemão’

A oficialização da rescisão de Douglas Costa está muito próxima de acontecer, mas o assunto ainda segue nos bastidores da Arena. Em entrevista concedida à rádio Bandeirantes, o vice-presidente de futebol do Grêmio, Dênis Abrahão, falou sobre a contratação do jogador e a sua saída.

Publicidade


Na visão do dirigente, a atitude do clube foi acertada ao rescindir o acordo feito com o jogador, pois, no contexto geral, a contratação do atleta foi um verdadeiro problema para o clube, que ainda arcará com despesas financeiras relacionadas ao jogador nos próximos anos.

Dênis Abrahão solta o verbo e critica negócio entre Grêmio e Douglas Costa

Na entrevista, Dênis Abrahão rasgou elogios ao talento e a qualidade de Douglas Costa. No entanto, botou em cheque a condição física do jogador. “Nos últimos três anos, ele não conseguiu jogar 30 partidas por ano”, comentou Dênis, afirmando que, no Brasil, atua-se em média 70 jogos no ano, fazendo com que o custo-benefício do jogador não seja viável. “Foi um problemão e não adianta ficar buscando culpados”, completou.

Publicidade

Lamentando, Dênis ressaltou que ninguém contrata um talento como Douglas Costa esperando que seja um erro. Na visão do dirigente, o clube fez bem em rescindir o contrato com o atleta e seguir, assim, rumos diferentes do camisa 10. 

Publicidade


Com foco na Série B, o dirigente ainda declarou que a competição exigirá que o grupo de jogadores “sangre”, caso contrário não conquistará o acesso dentro das quatro linhas. “Os jogadores sabem da responsabilidade que têm”, destacou Dênis.

Publicidade


Publicidade

Leia mais: https://www.radaresportes.ig.com.br/noticia/36049/clubes/dirigente-do-gremio-solta-o-verbo-sobre-douglas-costa-e-reforca-foi-um-problemao-24012022