Ex-colega de Cristiano Ronaldo explica ‘fracasso’ na Juventus: ‘falta de humildade’

A passagem de Cristiano Ronaldo pela Juventus não foi tão proveitosa como todos estariam esperando. Quando o jogador português se mudou para o time italiano, todos acreditavam que a Juve pudesse elevar mais ainda seu nível, principalmente na Champions. Porém, isso não aconteceu e, nos últimos três anos, o time nem conseguiu ganhar o campeonato. 

-->


Cristiano Ronaldo não teria melhorado a Juventus

Na última temporada, a Inter de Milão subiu no topo do futebol italiano, se sagrando campeã nacional. Portanto, apesar do enorme contributo de Cristiano Ronaldo, com gols, a Juventus não elevou seu nível e até perdeu sua hegemonia.

O time foi duas vezes campeão nacional com Ronaldo, mas ficou sempre aquém na Champions. Na última temporada, eles ainda pioraram o registro, terminando a Liga na quarta posição, se qualificando para a Champions somente na última rodada do campeonato. 

-->

Bonucci explica ‘fracasso’ de Cristiano Ronaldo na Juventus

Leo Bonucci, uma das figuras históricas do clube de Turim, deu uma explicação muito interessante, sobre esta quebra da Juventus, em declarações para o portal The Athletic. O jogador italiano falou que a chegada de Cristiano Ronaldo teve influência no rendimento de outros jogadores.

-->


De acordo com o zagueiro italiano, alguns jogadores da Juventus acreditaram que a presença Cristiano Ronaldo era o bastante para o time ganhar seus jogos. Então, a Juve poderia ter perdido humildade, o que se revelaria fatal nas aspirações coletivas. 

-->


“A presença de Cristiano teve uma grande influência sobre nós. Nos treinamentos ele nos dava um extra, mas no subconsciente dos jogadores pensavam que a mera presença dele nos faria ganhar jogos… e começámos ficando curtos na preparação, na humildade, no sacrifício, na vontade de estar ali todo o dia. Nos últimos anos, era fácil comprovar isso. Se você jogasse um pedaço de madeira no balneário tudo teria ardido, tendo em conta a eletricidade que estava lá dentro”, começou Bonucci sua explicação.

“Talvez tenhamos pensado que, se entregássemos a bola no Cristiano, nós venceríamos o jogo. Mas Cristiano precisava do time como nós precisávamos dele”, concluiu o jogador, já depois da saída de Cristiano Ronaldo para o Manchester United.

Leia mais: https://www.radaresportes.ig.com.br/noticia/29540/clubes/ex-colega-de-cristiano-ronaldo-explica-fracasso-na-juventus-falta-de-humildade-29092021