Novo McLaren 620R é versão legalizada para as ruas do GT4 de corrida

A McLaren anuncia o 620R, o primeiro carro de sua classe a oferecer verdadeiras credenciais de corrida em um pacote totalmente legal para as ruas. O cupê de edição limitada – apenas 350 serão construídos – evolui as especificações de competição do McLaren 570S GT4 para oferecer uma experiência de carro de corrida em pista ou estrada.

“O McLaren 570S GT4 é um carro de corrida GT de primeira classe que venceu corridas em todos os campeonatos em que competiu desde que sua primeira aparição em 2017, e está atraindo um número crescente de equipes de corrida clientes. Agora, em resposta a repetidas solicitações dos clientes, homologamos o pacote líder da classe para as ruas com o novo McLaren 620R, um cupê superleve de 620 HP feito em edição limitada, que é a escolha perfeita para um entusiasta que deseja uma autêntica sensação de pilotagem em corrida, com desempenho condizente, na pista e na estrada.”
Mike Flewitt, CEO da McLaren Automotive.

A McLaren teve sucesso significativo nas corridas de GT com as equipes atendidas pela divisão Customer Racing. Nas últimas temporadas, o 570S GT4 foi fundamental para aumentar esse sucesso. Desde a estreia em 2017, o carro se tornou o GT de corrida de maior sucesso construído pela McLaren, alcançando mais vitórias e pódios do que qualquer outro até o momento; em 2019, o 570S GT4 competiu em campeonatos em quatro continentes. Agora, como o melhor modelo da McLaren Sports Series com foco em pista, pronto para pista, mas feito para andar nas ruas, o McLaren 620R – destinado a ser raro e colecionável, graças à sua produção estritamente limitada – comemora as conquistas do 570S GT4.

O McLaren 620R é uma proposta única, oferecendo uma experiência pura de automobilismo em um carro de rua com autenticidade: tem aparência de carro de corrida, comportamento de carro de corrida, funciona como um carro de corrida e dá sensação de carro de corrida. O resultado geral é uma transição perfeita das corridas para as ruas – e vice-versa. Exclusivo e extremo em igual medida, o McLaren 620R retém o DNA de um carro totalmente homologado para as pistas e ainda está livre das restrições que os regulamentos de competição aplicam.

Desde o início, um alto nível de semelhança com o 570S GT4 de corrida foi essencial para o desenvolvimento do 620R. Eles têm o mesmo chassi Monocell II de fibra de carbono de peça única, fornecendo as bases para a resistência e o baixo peso do carro ( 1.282 kg a seco). Esse núcleo de fibra de carbono – uma assinatura da McLaren que, de diferentes formas, está presente em todos os carros da linha da empresa – também sustenta a precisão dinâmica e a dirigibilidade pelos quais os carros da McLaren são reconhecidos. Essas características foram aprimoradas no 620R pela inclusão dos elementos aerodinâmicos ajustáveis do GT4, componentes de suspensão derivados de competição e recalibração do trem de força para aumentar a potência e o desempenho.

O 620R tem o mesmo motor M838TE V8 biturbo de 3,8 litros usado no GT4, mas com uma diferença significativa na entrega de potência; a libertação das regulamentações de competição permitiu que o ECU do motor e o gerenciamento do turbocompressor fossem reconfigurados para atingir 620 HP, tornando este o Sports Series mais potente até hoje. O motor também desenvolve torque de 620 Nm e, mesmo com os tempos de volta sendo mais importantes que a velocidade máxima, valores de desempenho são 0-100 km/h em 2,9 segundos e 0-200 km/h em 8,1 segundos. A velocidade máxima é 322 km/h.

O uso de suportes mais rígidos reduz as forças às quais o conjunto propulsor é submetido sob aceleração, minimizando o efeito da inércia sob alta carga, enquanto a caixa de câmbio de sete marchas (SSG) proporciona tempos de mudança extremamente rápidos, auxiliados ainda mais no modelo Track pela tecnologia Inertia Push da McLaren, que converte a energia acumulada do volante em uma explosão momentânea de torque na mudança de marchas. Para uma sensação adicional na estrada, o piloto pode selecionar o modo Sport e ouvir o ‘crack’ da mudança para uma marcha mais alta, criado por um corte de uma fração de segundo da faísca de ignição.

A instalação de amortecedores de competição do GT4. de duas fases ajustáveis manualmente e com 32 pontos de ajuste por canto, permite que o motorista adapte a compressão e o rebote para se adequar ao estilo de condução e às condições da pista – e acrescenta credenciais ao 620R. Os amortecedores também ajudam a reduzir o peso do automóvel, sendo mais de 6 kg mais leves que as unidades normais da Sports Series.

A suspensão, que apresenta triângulos de alumínio leves e barras e molas mais rígidas do que as montadas em um modelo regular da Sports Series, é aprimorada pela troca dos suportes superiores de borracha por alternativas sólidas de aço inoxidável para fornecer melhorias notáveis no controle e feedback da direção, acima e além dos altos padrões usuais em todos os carros da McLaren.

A frenagem vem do mais recente sistema de freios de baixo peso da McLaren, que na configuração focada para pista do novo 620R compreende discos de cerâmica de carbono (390 mm na frente e 380 mm atrás) e pinças de freio em alumínio forjado em todas as rodas, com resposta aprimorada do pedal, modularidade e resistência mesmo após muitas voltas em ritmo forte em circuito fechado. 

O desempenho de frenagem é surpreendentemente e extremamente impressionante na estrada, onde o 620R roda com pneus semi-slick Pirelli P Zero Trofeo R de série, mas os pilotos que trocam pelos pneus slick de competição opcionais quando chegam a um circuito experimentam um novo nível de frenagem. Especialmente desenvolvidos para a McLaren pela equipe da Pirelli Motorsport, os pneus slick são otimizados para complementar os freios de competição e a suspensão derivada de corrida do 620R. Eles têm uma area de contato 8% maior do que o pneu de rua, aumentando as forças G laterais e permitindo tempos de volta mais rápidos.

Esta é a primeira vez que um carro de rua com rodas dianteiras de 19 polegadas e rodas traseiras de 20 polegadas é projetado para poder rodar com pneus slick sem a necessidade de ajustes mecânicos adicionais. Isso significa que, se as condições climáticas permitirem, os proprietários poderão, ao chegar ao circuito, instalar um segundo conjunto de rodas ou trocar pneus e seguir em frente na pista sem perder tempo extra.

Altos níveis de aderência mecânica são uma parte essencial do parentesco do 620R com um carro de corrida, mas é o desempenho aerodinâmico que o eleva ao status de carro de corrida legalizado para as ruas. A asa traseira ajustável de fibra de carbono é o mesmo componente instalado no 570S GT4. Elevada 32 cm no fluxo de ar mais limpo acima do veículo para aumentar a carga aerodinâmica e minimizar o arrasto, a asa é legal para vias públicas graças à terceira luz de freio recém-incorporada. Os clientes receberão seus carros com a asa ajustada para o menos agressivo dos três ângulos disponíveis, otimizando o equilíbrio dianteiro/traseiro para dirigir nas ruas. Os ângulos mais agressivos – que podem ser definidos por um revendedor da McLaren – aumentam ainda mais a carga aerodinâmica na traseira, contribuindo para um máximo de 185 kg e permitindo voltas ainda mais rápida em circuitos fechados.

A asa traseira se destaca literalmente como uma característica distintiva óbvia no 620R, mas não é o único componente adaptado da especificação de pista do GT4 para atender aos padrões de homologação para vias públicas. O pára-choque dianteiro, o divisor e o capô foram reprojetados. O divisor retém as lâminas aerodinâmicas e o corte pronunciado, enquanto o capô de fibra de carbono possui aberturas duplas para ajudar a reduzir a carga aerodinâmica e limpar o fluxo de ar por cima do carro. A carga aerodinâmica na frente do carro é aumentada ainda mais por planos de mergulho que criam vórtices de ar de baixa pressão ao nível da pista e ajudam a acelerar o fluxo de ar ao longo das laterais, além de ajudar significativamente no resfriamento dos freios. Os planos de mergulho contribuem com até 30 kg de carga aerodinâmica como parte dos 65 kg entregues pelo pacote aerodinâmico frontal completo.

As características de desempenho, sensação, feedback e dirigibilidade do 620R deixarão o piloto sem dúvida de que se trata de um carro de corrida na essência, mas há outras pistas óbvias que são aparentes antes mesmo de o motor ser ligado. O interior se destaca clara e imediatamente como inspirado nas pistas – qualquer piloto do GT4 se sentirá instantaneamente em casa. Como em qualquer carro de corrida sério, trata-se tanto do que foi retirado quanto do que foi incluído: o 620R não possui carpete ou porta-luvas. Ar-condicionado, IRIS Navigation e sistema de áudio também estão ausentes na especificação padrão, embora todos possam ser adicionados sem custo. Também está disponível um sistema de áudio atualizado de baixo peso da Bowers & Wilkins.

Piloto e passageiro ficam protegidos em assentos de corrida de fibra de carbono super leves com cintos de corrida de seis pontos instalados de série. Os principais “pontos de contato com um carro de corrida” incluem a marca vermelha de 12 horas no volante e as alças para puxar a porta e ajudar a fechá-la quando o piloto está com o cinto atado. Elementos estruturais de fibra de carbono, como shift paddles,  raios do volante e console central, aumentam a sensação de estar no cockpit de um carro de corrida.

Um sistema McLaren Track Telemetry (MTT) é de série e é exibido em uma tela sensível ao toque de 7 polegadas montada em posição central. Se os compradores especificarem o MSO Roof Scoop Upgrade Pack opcional, o MTT pode ser atualizado para incluir o sistema de três câmeras também disponível como opção autônoma.

Cada 620R apresenta uma plaqueta no console central com identificação numérica (1 de 350, 2 de 350, etc.). Como em todos os carros de rua da McLaren, cada 620R pode ser configurado para ser distintamente individual. Elementos como a cor das pinças de freio podem ser escolhidos com exclusividade. Como alternativa, os compradores podem optar por pacotes de atualização, como o Pacote Exterior de Fibra de Carbono com Visual em Acabamento Brilhante, que adiciona drama visual a tudo, das entradas laterais às coberturas dos espelhos das portas. A McLaren Special Operations (MSO) oferece outras opções de personalização, com uma variedade de opções MSO Defined Exterior que incluem um escapamento de titânio SuperSports Exaustor com acabamento em Preto Nano e atualizações internas MSO Defined que incorporam opção de cor dos cintos de segurança.

Todas as três cores externas disponíveis como padrão no 620R são inspiradas nos carros de corrida GT4: McLaren Orange (laranja com listras brancas), Silica White (branco com listras laranja) ou Onyx Black (preto com listras laranja) e cada uma pode ser opcionalmente complementada com decalques de números de corrida e/ou adesivos de parceiros. Outras cores de carroceria estão disponíveis na paleta da MSO. Também está disponível uma decoração de decalque ainda mais exclusiva, inspirada no McLaren Senna GTR.

A produção da 620R será limitada a 350 pedidos de clientes, todos feitos à mão no McLaren Production Center em Woking, Surrey. A produção começará em janeiro e um carro já está encomendado para o mercado brasileiro, com preço ainda não definido.